class="post-template-default single single-post postid-4732 single-format-standard">

 Rua Doutor Alfredo de Castro, 200 - sala 1104 | Barra Funda, São Paulo / SP      contato@yescert.com.br

Importação de TV Box

Importação de TV Box e o risco de apreensão do produto

Quem acompanha o mercado de tecnologia sabe que a TV Box é um produto cada vez mais procurado pelos consumidores. Isso porque o valor de uma TV Box é bem mais justo do que o de qualquer Smart TV, e assim a pessoa dispensa a compra de uma televisão nova apenas pela conexão com a internet. 

E para atender essa demanda do mercado brasileiro, empreendedores e importadores encomendam grandes quantidades de TV Box diretamente da China e outros países para vender por aqui. E assim podem começar os problemas, afinal a TV Box é um produto com certificação e homologação obrigatória pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). 

Se você pesquisar por notícias sobre TV Box, encontrará muitos registros de apreensão de produtos e até destruição dos mesmos pelos órgãos oficiais. Importar sem o devido planejamento e não cumprir com a homologação dos produtos é um grande prejuízo para qualquer empresa. 

A seguir, entenda melhor sobre o risco de apreensão na importação de TV Box. 

Apreensão pela Receita Federal  

Em um caso recente, a Receita Federal apreendeu e destruiu mais de 160 mil aparelhos de TV Box piratas, acumulados na Alfândega entre Brasil e Paraguai durante 4 anos. Muitos produtos são configurados para, além de conectarem a televisão à rede Wi-Fi de internet, captarem também o sinal de satélite de canais privados, correspondendo ao já conhecido “gatonet” 

Além do crime de pirataria neste sentido, tais produtos tentaram entrar no país sem a devida homologação Anatel. Segundo estimativas da ABTA, a Associação Brasileira de Televisão por Assinatura, as TV Box piratas causam um prejuízo anual de R$ 9,5 bilhões em diversos setores do mercado nacional.  

A própria Anatel também realiza inspeções de cargas nos portos e aeroportos. O não pagamento das devidas tributações de importações também autoriza a Polícia e a Receita Federal a apreender os produtos irregulares.  

Dependendo do motivo e tipo da apreensão feita, será possível pagar uma multa e regularizar a situação para liberar seus importados. Se não, produtos falsificados e não homologados pelos respectivos órgãos reguladores são encaminhados para o descarte correto ou destruição. 

Atenção antes de importar! 

No caso, para fazer um bom negócio e evitar prejuízos em sua empresa, é essencial começar todo processo de certificação e homologação antes de importar. Com ela você também vai receber a autorização para comercializar os produtos de telecomunicações no país.  

Você precisará de um contato direto com a empresa fabricante dos aparelhos, que deverá encaminhar manuais sobre o produto, amostras e também uma autorização para que o produto seja avaliado pelos Organismos de Certificação Designados (OCDs) aqui no Brasil. 

O processo de homologação é burocrático, e pode espantar principalmente as pequenas empresas.  

Se você quer importar TV Box ou qualquer outro produto, conheça as portarias oficiais, consulte outras empresas e avalie bem os seus fornecedores. Fazendo todo o processo corretamente, antes mesmo da chegada dos produtos em solo brasileiro, não há com o que se preocupar. 

Aproveite e conheça também como os especialistas da Yes! Certificações podem ajudar sua empresa com a Certificação e Homologação de Produtos Anatel 

Entre em
CONTATO

    Gostaria de agendar e receber uma chamada em outro horário?

    Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.

      Deixe sua mensagem! Entraremos em contato o mais rápido possível.

      Você já é a 3 pessoa a deixar uma mensagem.

        NÓS TE LIGAMOS! Informe seu telefone que entraremos em contato o mais rápido possível.

        Você já é a 5 pessoa a solicitar uma ligação.